PLANOS PARA 2018

Prancheta 1

*Por Gabrielle Ramos

Adeus ano velho, feliz ano novo…

Estamos as portas de 2018 e quem não estiver com os planejamentos a mil, que atire a primeira pedra. Aqui pelo menos as ideias para o próximo ano não param e é claro que estamos super ansiosos para começar tudo outra vez, com milhares de novidades tanto para nós, como para nossos clientes.  Mas hoje não vou falar de dicas ou qualquer coisa relacionada a social media, vou apenas falar sobre o que aprendi em 2017 e o que espero levar (ou não) para o próximo ano.

Vamos começar pelos aprendizados. Com certeza foi um período intenso, de muitas lições, principalmente por trabalhar com pessoas o tempo todo. Humanizar, essa era a palavra que meu professor de redes sociais sempre destacava. Mas como colocar isso em prática? Principalmente quando você não faz ideia de quem está do outro lado da telinha? Pensar com a cabeça do cliente do cliente, foi uma das coisas mais difíceis que aprendi esse ano. Tanto para desenvolver estratégias de comunicação, quanto para me reportar a eles.

Outra lição importante, foi organização de tempo! Em um dos meus estágios, uma colega que supervisionava meu trabalho sempre dizia: precisamos priorizar as prioridades. Depois de tantos anos, em 2017, acredito que finalmente entendi o sentido dessa frase. Quando você trabalha com algo que precisa ser imediato, a organização de tempo e foco fazem total diferença na produtividade. Distrações são totais inimigas dos bons resultados.

Aprendi muitas outras coisas: brainstorm tem que ser diário; tentar abraçar o mundo sozinho, nunca dá certo (por mais competente que você seja); paciência para ensinar, paciência para aprender, paciência é a chave do sucesso para muitas atividade; enfim, essas lições, com certeza vou levar comigo para 2018. Sobre as ruins, não preciso escrever muito, é só olhar para os aprendizados e vocês entenderão quais foram os meus erros.

E para o próximo ano, depois de tudo o que planejamos por aqui, acredito que muita dedicação, reforçar o que já estava dando certo, aprender com o que deu errado, assumir novas posturas e encarar novos desafios sejam as prioridades. Com essa receita, será bem difícil dar errado. Ainda como diria aquela colega que citei acima, o importante é fazermos o avião voar. Então, bora colocar as portas em automático e ligar os motores para a decolagem?

*Gabrielle Ramos é jornalista formada desde 2012 na Universidade Nove de Julho, com especialização em Marketing Digital pela E-commerce School e Mídias Sociais pelo Centro Universitário Belas Artes de São Paulo. Com 08 anos de experiência em Assessoria de Imprensa, já atuou na comunicação de empresas de diversos segmentos e atualmente é Coordenadora de Planejamentos Estratégicos e Mídias Sociais na PiaR Comunicação.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: